Recentemente surgiu uma matéria em uma das revistas de maior circulação do Brasil, a Veja, falando sobre cortes no Bolsa Família. A revista trouxe uma matéria mostrando que o Governo fez cortes no programa durante os últimos meses. A principal acusação da Veja é que o Governo fez cortes no Bolsa Família devido o ajuste fiscal, como uma medida de conter os gastos.

cortes-no-bolsa-família

Resposta do MDS

Devido a proporção que a matéria ganhou na mídia, o Governo resolveu responder a revista Veja e a afirmação que houve cortes no Bolsa Família. Em nota, o MDS (Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome) negou o fato e mostrou que a revista Veja errou quando afirmou que os benefícios diminuíram e demonstrou a partir de dados que em Setembro a folha de pagamento repassou benefícios para 13,9 milhões de beneficiários e não 13,2 como a revista informava, demonstrando assim que não houve cortes no Bolsa Família. O MDS ainda afirmou que os benefícios continuam estáveis desde 2012 devido a saída de famílias que melhoram a renda e entrada de famílias necessitadas.

Rotina de Controle

Os processos de Averiguação e Revisão Cadastral fazem parte de uma chamada rotina de controle e fiscalização dos benefícios e que é feita anualmente. Ela tem o objetivo de fiscalizar a transferência dos recursos do programa para famílias realmente necessitadas. Sendo assim, existe um cruzamento de dados entre várias bases, dentre elas, INSS, Detran, Rais, Caged e outras fontes para identificar famílias que não possuem perfil para o programa. Esse cruzamento de dados identificou 800 mil beneficiários esse ano e os quais tiveram seus benefícios cancelados por estarem com renda acima do estabelecido em lei e não estarem dentro das exigências do programa. No mesmo período o mesmo número de famílias passou a receber o benefício e adentrar no programa.

Orçamento do Bolsa Família assegurado

O MDS ainda comunicou que o orçamento do Programa Bolsa Família não sofreu cortes e a previsão de gastos para esse ano é de cerca de 27,7 bilhões. O Governo ainda reforçou sua preocupação com as condicionalidades e que vem fazendo o acompanhamento para que o programa possa assegurar o acesso a educação, saúde e os serviços com maior qualidade. Na nota o Governo ainda disse que a Revista Veja poderia ter evitado o erro caso tivesse procurado o ministério para checar as informações, como recomenda o bom jornalismo. Com essa nota, o Governo através do MDS buscou acabar com os boatos e mostrar que não houve cortes no Bolsa Família.