Começa pagamento do Bolsa Família de Setembro

O pagamento do Bolsa Família de Setembro já teve início no dia 17 (terça-feira) e vai até o dia 30 (segunda-feira). O pagamento do Bolsa Família segue o calendário de pagamentos 2019.

Bolsa Família de Setembro

O valor médio pago as famílias nesse mês de Setembro será de R$ 189,21. Ao todo, o Ministério da Cidadania irá repassar mais de 2,5 bilhões para cerca de 13,5 milhões de famílias brasileiras. Esse valor é pago para que as famílias possam superar a situação de vulnerabilidade social. Os benefícios variam de acordo com a composição familiar e a renda per capita.

Pagamento escalonado

O pagamento do Bolsa Família é feito de forma escalonada. Nos últimos 10 dias úteis de cada mês, o valor é disponibilizado para as famílias beneficiárias. Esse escalonamento é feito de acordo com o último número do NIS. O final do NIS que determina em que dia a família receberá o benefício do Bolsa Família. O Bolsa Família de Setembro segue o calendário de pagamentos e já está disponível. O benefício pode também consultar seu benefício por meio do aplicativo.

Novas concessões ainda com número reduzido

As novas concessões de benefícios ainda estão com número reduzido. Segundo centenas de municípios, poucas concessões estão surgindo. Isso significa que o programa não está tendo novos beneficiários desde Maio, conforme a maioria dos relatos. Ainda não existe previsão para que essas concessões sejam normalizadas. O governo alega que segue a Lei de Responsabilidade Fiscal.

Saiba mais sobre o Bolsa Família

O Bolsa Família é voltado a famílias extremamente pobres (renda per capita mensal de até R$ 85) e pobres (renda per capita mensal entre R$ 85,01 e R$ 170). Os beneficiários recebem o dinheiro mensalmente e, em contrapartida, cumprem compromissos nas áreas de saúde e educação. Esses compromissos são chamados de condicionalidades. Dentro do programa existem as condicionalidades de saúde, educação e assistência social. Toda família beneficiária precisa cumprir as condicionalidades para continuar recebendo o benefício.

Deixe um comentário