O Governo Federal anunciou que o grupo de mãe chefe de família irão receber o Auxílio Emergencial a partir de segunda-feira. O pagamento estava previsto para essa última quinta-feira, porém o governo teve alguns problemas e adiou para segunda-feira (dia 13) o pagamento para esse grupo específico de beneficiários do auxílio.

Quem pode ser considerada mãe chefe de família?

Para o governo federal mãe chefe de família é aquela mulher solteira, sem cônjuge ou companheiro, e responsável por pelo menos uma pessoa menor de 18 anos. Essa é considerada uma mulher de família monoparental. As mulheres de família monoparental receberam o valor de R$ 1200, mesmo que haja outro trabalhador elegível.

Famílias com mãe chefe de família podem receber até R$ 1800

Existem famílias onde a mãe é a responsável da família, nesses casos, a família receberá no mínimo R$ 1200 por mês, podendo chegar até R$ 1800. Caso a família seja monoparental feminina e tenha dois trabalhadores com direito ao auxílio, a família receberá R$ 1800. Isso acontece nos casos que a mãe solteira é a chefe do núcleo familiar e possui também um filho ou outro membro familiar (que não seja cônjuge) apto a receber o auxílio. Dessa forma, R$ 1200 equivale ao auxílio referente a mãe chefe de família e R$ 600 referente ao filho com direito ao auxílio.

Beneficiário será pago em conta no nome do requerente

O trabalhador que tiver direito a receber o Auxílio Emergencial terá o valor depositado em conta própria. O requerente mesmo que faça parte de outra família terá seu valor sendo depositado em uma conta corrente ou poupança já existente. Caso o trabalho ainda não possua conta ou esteja com ela negativada ou sem movimentação nos últimos 90 dias, será aberta automaticamente uma conta poupança digital pela CAIXA. O trabalhador receberá o valor através dessa conta.

Leia Mais

 

Deixe um comentário

Comentários