Recentemente a UOL divulgou informações que ninguém voltou a receber Bolsa Família nos últimos 6 meses de 2019. Essa informação foi repassada por meio de dados obtidos junto ao Governo Federal através da Lei da Transparência. Após analisar esses dados, foi possível constatar que nos último semestre de 2019 ninguém voltou aoo programa.

Ninguém voltou a receber Bolsa Família nos últimos seis meses de 2019

Os dados obtidos pelo portal UOL detalham que nenhuma família voltou a fazer parte do programa de Junho a Dezembro de 2019. Isso significa que não houve nenhuma reinclusão no programa. A reinclusão acontece quando famílias com benefício cancelado que atualizaram o Cadastro Único tem perfil novamente para fazer parte do programa e ficam no aguardo de uma nova concessão.

Qual o critério para as famílias voltarem a receber após um cancelamento de meses?

Muitas famílias perguntam se depois de meses sem receber terão direito a voltar ao programa. É sim, é possível! Entretanto, a família precisa primeiramente atualizar o Cadastro Único e caso tenha perfil novamente para o Programa Bolsa Família, precisa aguardar. O benefício ser concedido a essas famílias geralmente demora um pouco mais, porém, o governo sempre faz reinclusões mensalmente pois faz parte da dinâmica do programa.

Posso voltar a receber Bolsa Família?

Em 2019, como só houve reinclusões até maio, esse número despencou e fechou o ano em apenas 276 mil. Ou seja, o Governo Bolsonaro fechou a porta do programa e caiu em 75% o número de reingressos ao programa. De Junho a Dezembro de 2019 o governo tanto congelou as novas concessões como as concessões para reincluir famílias que eram beneficiárias antigamente e saíram do perfil. É a mesma dinâmica mas na prática as reinclusões tendem a demorar mais, visto que aquela família já era beneficiada anteriormente e teve o benefício cancelado.

Fique atento para não ter seu benefício cancelado!

Se você já teve seu benefício cancelado e voltou a receber Bolsa Família depois de um tempo, sabe que a demora é grande e não é muito bom passar por isso. Além de o benefício aliviar a pobreza, possibilita uma certa segurança a família.

Por isso, é bom ficar atento para seu benefício não ser cancelado. E isso é muito simples! O benefício geralmente é cancelado após longos processos e prazos dados a família. No caso de Averiguação Cadastral ou Revisão Cadastral, a família primeiramente é orientada a atualizar o cadastro dentro de um prazo para evitar o bloqueio e só depois caso não atualize terá outro prazo para evitar o cancelamento. Com isso, a família pode se programar para atualizar o cadastro o quanto antes e evitar esse possível cancelamento do benefício.

Deixe um comentário

Comentários