Queda no número de novas concessões do Bolsa Família

Nos últimos três meses houve uma queda no número de concessões do Bolsa Família. Segundo o Governo Federal no início do ano a fila de espera do programa vinha sendo zerada a cada mês. O Ministério da Cidadania atribuía esse feito aos processos de fiscalização e ao aperfeiçoamento do programa no cruzamento de dados.

Entretanto, nos últimos três meses diversas gestões municipais notaram uma queda no número de novas concessões do Bolsa Família. Municípios que tinham uma média de 20 a 30 concessões tiveram uma baixa significativa. Alguns municípios chegando a cerca de 1 nova concessão de benefício por mês. O número de novos benefícios teve uma redução significativa.

Queda no número de concessões do Bolsa Família

Essa queda notada por diversos gestores acabou criando uma alerta: O orçamento do programa diminuiu?

Essa dúvida surgiu visto que nos últimos meses o governo tentava aprovar o crédito suplementar e alegava que a não aprovação poderia acarretar em falta de recursos para pagar o Bolsa Família.

E mesmo com a aprovação do crédito suplementar, sempre existiu dúvidas quanto a continuidade do programa. A queda no número de novas concessões foi inclusive tema questionamentos no 21º Congemas (Encontro Nacional de Gestores Municipais da Assistência Social), realizado em Belém, no Pará.

Governo não liberou novos benefícios devido a Lei de Responsabilidade Fiscal

Segundo a Diretora do Departamento de Benefícios, Caroline Augusta Paranayba Scaravelli, o governo anda respeitando a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). Além disso, os dados do Cadastro Único estão cada vez mais qualificados. Ainda assim, o número de contemplações não parou.

Com a obrigatoriedade de respeitar a Lei de Responsabilidade Fiscal, o governo acaba reduzindo o número de novas concessões e evitando assim problemas maiores.

Número de famílias esperando o benefício aumenta

Nos últimos meses o número de famílias esperando o benefício aumentou. Uma espera que era em média de 3 meses já aumentou bastante. E com isso as filas zeradas no início do ano estão dando lugar a uma fila maior de pessoas que estão aguardando ser contempladas pelo Bolsa Família.

Deixe um comentário