Uma das maiores dúvidas das pessoas é em relação a saber quem realmente tem direito a receber Bolsa Família.O Bolsa Família surgiu com o principal intuito de reduzir as desigualdades sociais e a transferência direta de renda é uma forma de diminuir as desigualdades relacionadas à renda. É ilusão achar que todas as pessoas tem direito a receber Bolsa Família, entretanto, as pessoas que se encaixam no perfil e estão cadastradas são contempladas pelo governo federal.

Embora o número imenso de informações sobre o programa e a facilidade no acesso a essas informações, ainda assim, várias pessoas não sabem ao certo quem pode receber o benefício. E isso gera milhares de boatos e informações contraditórias sobre o programa. Desde informações que pessoas com uma renda superior fazem parte do programa ou pessoas que trabalham também recebem o benefício. E essas informações sem conhecimento a respeito de como funciona o programa e a quem ele beneficia, só gera mentiras e informações falsas a respeito do programa Bolsa Família.

Receber o Bolsa Família

Para compreender melhor e saber quem realmente tem direito, pedimos que vocês primeiramente esqueçam todos os boatos e fiquem atentos as informações abaixo.

Quem tem direito a receber Bolsa Família?

O benefício do Bolsa Família é para as famílias com renda mensal por pessoa de até R$ 77,00 (setenta e sete reais) tendo ou não crianças e para as famílias com renda mensal por pessoa de até R$ 154,00 (cento e cinquenta e quatro reais) e que possuam crianças e adolescentes na composição familiar.

Famílias em situação de extrema pobreza

As famílias que possuem renda por pessoa de até R$ 77 reais (setenta e sete reais) são consideradas pelo governo federal como famílias em situação de extrema pobreza. Para o Banco Mundial, o conceito de miserável é quem vive com menos de US$ 1,25 por dia e a partir desse conceito é que foi estabelecido pelo governo que a renda familiar per capita inferior a R$ 70 seria a exigência para se encaixar em família de extrema pobreza e receber o benefício básico do bolsa família. Esse valor de R$ 70 mudou e agora deve ser inferior a R$ 77,00 a per capita.

Família em situação de pobreza

As famílias que possuem renda de até R$ 154,00 (cento e cinquenta e quatro reais) são consideradas pelo governo federal como famílias em situação de pobreza. Sendo assim, elas se encaixam no perfil para recebimento do Bolsa Família apenas se tiverem crianças ou adolescentes na composição familiar.

Como o governo sabe quem tem direito a receber Bolsa Família?

O governo faz a seleção dos beneficiários por meio das informações prestadas no Cadastro Único, que é o programa utilizado para cadastramento das famílias. A partir dos dados informados, o Ministério de Desenvolvimento Social faz a análise dos dados coletados e verifica aquelas famílias que tem o perfil para o receber Bolsa Família.

Por esse motivo, é importantíssimo que as informações repassadas sejam reais e retratem a realidade.

Conclusão

A partir dessas informações, já podemos excluir dezenas de boatos e informações equivocadas repassadas por quem não tem conhecimento do funcionamento do programa. Além disso, é possível compreender a quem o benefício se destina e que existem variações nos valores de acordo com a estrutura familiar e a renda per capita. Ter alguém aposentado dentro do domicílio familiar não significa necessariamente que a família não tem direito a receber Bolsa Família. É mais do que importante entender as regras do programa e passar as informações corretas para saber quem realmente tem direito ao Bolsa Família.